BONS NEGÓCIOS
BUSCADOR DE FRANQUIAS
VER TODAS
Francap
Casa das Cuecas reformula lojas usando ferramenta de BI
Quarta-feira, 29 de Julho de 2009, 16h25

Com faturamento de R$ 22 milhões no ano passado, a UW Sistemas de Franquias, conhecida como Casa das Cuecas, resolveu fazer uma reformulação no layout das lojas com o objetivo de estimular as vendas e, em consequência, crescer 10% em receitas neste ano.

Para isso, ela decidiu utilizar a tecnologia de business intelligence QlikView, representada no Brasil pela Nórdica Distribuidora de Software, como plataforma para as mudanças e obtenção de relatórios gerenciais e mercadológicos com agilidade.

Segundo Daniel Kaleka, diretor da Casa das Cuecas, o foco era atender a demanda do novo perfil da marca, que passou a necessitar de informações rápidas e precisas para conseguir competir com os novos concorrentes.

Pioneira no Brasil em venda de vestuário íntimo para o sexo masculino, a companhia traçou uma estratégia de reposicionamento de sua marca, que tinha característica conservadora, para um novo perfil de inovação nos produtos e serviços, apostando na modernidade e elegância de suas peças.

Para alcançar seu objetivo, ela tinha como meta investir em uma tecnologia que lhe trouxesse mais assertividade na análise de markup, facilidade na realização das projeções de venda, flexibilidade para alterações e testes imediatos, maximização dos índices de acertos e aumento do custo-benefício.

"A solução QlikView foi a mais aderente às nossas necessidades devido à rápida implementação e à facilidade de interação com a solução, pois o próprio usuário faz suas análises e previsões dentro da ferramenta", afirma Kaleka.

Uma dos principais resultados apontados pelo executivo com o uso da tecnologia foi a capacidade de negociação com os fornecedores. Por não possuir uma estrutura de produção própria, a empresa estabelece contratos com fabricantes terceirizados e sempre está atenta para que a relação comercial seja a mais vantajosa possível. Com o uso da solução foi possível a redução de custos com os fornecedores no momento em que a casa das Cuecas passou a efetuar um planejamento de longo prazo dos itens a serem comprados. "Com o resultado das vendas dos anos anteriores pudemos programar através do Qlikview compras anuais e garantir que nossos fornecedores concedessem desconto ao serem notificados com antecedência da quantidade de mercadorias que seriam produzidas durante todo o ano", relata o executivo.

A rede varejista também tem como aplicativo de apoio o software da Linx, específico para o segmento de retail, que coleta informações administrativas, da frente de loja e das contas a pagar e receber, mantendo o banco de dados abastecido para que o QlikView possa gerar os indicadores através dele. "A tecnologia de BI nos garantiu rapidez na análise das informações sempre que sentíamos uma mudança de tendência, o que possibilitou à nossa operação o cruzamento automático de dados de forma confiável para tomarmos decisões no momento certo", explica.

A primeira fase do projeto, que envolveu a análise do banco de dados, o levantamento das necessidades e o desenvolvimento da base do aplicativo em conjunto com a companhia, iniciou no primeiro semestre de 2008. O sistema atualmente apóia os processos dos pontos de venda e o movimento de estoque, mas está sendo reformulado para a inclusão de funcionalidades complementares para o controle das áreas financeira, administrativa e compras.

Há dois anos, a Casa das Cuecas estruturou uma rede de franquias que hoje abrangem os estados de São Paulo, Distrito Federal, Rio de Janeiro, Goiás, Amazonas e Paraná. O aplicativo também está auxiliando na geração de relatórios de acompanhamento do movimento de vendas em cada localidade. "Pretendemos ampliar o uso da solução para todos os franqueados, pois estamos certos do diferencial que ela traz para a condução dos negócios", ressalta Kalela.

Por ser constituída de uma arquitetura visual e uma interface intuitiva e ter sido concebida conforme as exigências da organização, a ferramenta foi facilmente assimilada pelos usuários da companhia, dispensando consultoria, programação e treinamento. "O software se adapta totalmente à dinâmica de trabalho do usuário por não possuir um nível hierárquico de manuseio e seguir uma linha de raciocínio lógica, por isso na maioria das vezes os problemas podem ser resolvidos sem a assistência de especialistas", considera Gerson Gildin, gerente comercial da Nórdica Distribuidora de Software e responsável pelos projetos voltados para o varejo.
icon facebook
icon facebook
Rua Pedroso Alvarenga, 1046 - 14º Andar - Itaim Bibi - São Paulo/SP | Tel. (11) 5180-5555 | Fax. (11) 3079-1998
desenvolvido por Criamix
NEWSLETTER