BONS NEGÓCIOS
BUSCADOR DE FRANQUIAS
VER TODAS
Francap
Brasil avança uma posição em lista de melhores países para negócios
O Brasil passou de 122ª para 121ª melhor economia em todo o mundo para se fazer negócios de 2005 para 2006, de acordo com ranking do Banco Mundial divulgado nesta quarta-feira (6/9). A alta foi motivada por avanços em áreas como encerramento de empresas e dificuldades ligadas a questões trabalhistas.

A lista mundial é encabeçada por Cingapura, seguida por Nova Zelândia, Estados Unidos e Canadá. Na América Latina, o Brasil fica apenas na 25ª colocação, atrás do líder Porto Rico e de vizinhos como Chile (3 colocação), México (5º), Peru (11º) e Argentina (19º).

Segundo a avaliação do Banco Mundial, o Brasil registrou avanços em relação a outros países na contratação e demissão de funcionários – passou da 101ª para a 99ª posição neste ranking. Ainda assim, na avaliação da flexibilidade da regulamentação trabalhista, o país mostra alguns índices piores do que os da média da região. Em uma escala de 0 a 100, em que quão mais alto o valor mais rígido as regras, o Brasil apresenta 67 pontos na dificuldade de contratação, enquanto a média latina é de 34 pontos. Já os custos de empregar um funcionário representam 37,3% do salário pago – a média da América Latina é de uma despesa de 12,5% da remuneração.

O outro item analisado em que o Brasil melhorou sua classificação foi o fechamento de empresas. Em 2005, o país apareceu na 149ª posição na lista que analisa os países latinos por esse item. Agora, a economia avançou à 135 colocação, mas ainda possui uma burocracia pior do que a média latina. Em média, de acordo com o Banco Mundial, é preciso esperar 4 anos para encerrar um negócio – na região, o prazo gira em torno de 2,6 anos.
icon facebook
icon facebook
Rua Pedroso Alvarenga, 1046 - 14º Andar - Itaim Bibi - São Paulo/SP | Tel. (11) 5180-5555 | Fax. (11) 3079-1998
desenvolvido por Criamix
NEWSLETTER