BONS NEGÓCIOS
BUSCADOR DE FRANQUIAS
VER TODAS
Francap
Acordo Sebrae e Ambev dobra número de franquias
Parceria vai aumentar para duas mil a quantidade de franqueados no país em 2012.

O Sebrae e a Companhia de Bebidas das Américas (Ambev) assinaram acordo de cooperação para dobrar o número de franqueados e chegar ao final de 2012 com duas mil microfranquias. A parceria foi firmada nesta sexta-feira (3), no Rio de Janeiro (RJ).

“O acordo não é uma política social, mas de negócios. A relação é de ganha-ganha, porque a Ambev amplia sua marca para outro tipo de público e o Sebrae entra com portfólio de soluções disponíveis em todo o país”, declarou o presidente do Sebrae, Luiz Barretto. Jésus Costa, presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae no Rio de Janeiro, disse que “é uma iniciativa louvável das duas instituições, que vão investir no mesmo cliente”.

Participaram da reunião, realizada no Centro de Referência do Artesanato Brasileiro (Crab), o diretor-técnico do Sebrae, Carlos Alberto dos Santos, o gerente de Acesso a Mercados e Serviços Financeiros da instituição, Paulo Alvim, e outros representantes da Ambev.

O diretor de Novos Negócios da Ambev, Francisco Prisco, explica que o foco da companhia está na microfranquia, modelo que compreende investimentos de até R$ 60 mil. Segundo ele, o segmento será beneficiado com os eventos esportivos que acontecerão no Brasil, como a Copa do Mundo

Francisco ressalta que a meta não é só aumentar os pontos de venda. “O acordo com o Sebrae é importante, pois queremos manter também a durabilidade dos negócios. Conseguimos chegar a cerca de mil franqueados desse porte nos últimos oito anos e, com o pacote de soluções oferecidos pela instituição, temos certeza de que dobraremos esse número até o final de 2012”, reforçou.

O projeto começa em São Paulo, mas terá abrangência nacional. Os interessados em adquirir uma franquia da quarta maior cervejaria do mundo terão acesso a capacitações on line e presenciais, oficinas, palestras e consultorias. Todas as ações serão acompanhadas por um comitê técnico, tanto para avaliar o impacto das atividades, quanto para planejar novas iniciativas.

O diretor-superintendente do Sebrae no Rio de Janeiro, Cezar Vasquez, sugeriu que as instituições também estudassem um modelo que poderia ser replicado nas áreas que já receberam as Unidades de Polícia Pacificadora (UPP). A Ambev se comprometeu a analisar a proposta e anunciou intervenções na orla carioca.
icon facebook
icon facebook
Rua Pedroso Alvarenga, 1046 - 14º Andar - Itaim Bibi - São Paulo/SP | Tel. (11) 5180-5555 | Fax. (11) 3079-1998
desenvolvido por Criamix
NEWSLETTER